Início Contato Resenhas Parceiros

21 setembro 2013

Resenha: As Vantagens de ser Invisível


Eu já tinha comentado sobre o filme aqui, agora venho fazer a resenha do livro.
Bom... Quando terminei de ver o filme fiquei desesperadamente com vontade de ler o livro, apesar de ter lido e visto algumas vídeo resenhas não muito positivas sobre a obra.
Posso dizer que gostei bastante do livro, tanto que quando terminei de lê-lo, no ônibus, fiquei um bom tempo refletindo sobre a história.
Em As vantagens de ser invisível, nós podemos conhecer a história de Charlie. A princípio parece apenas mais uma história sobre as dificuldades de uma vida adolescente americana, mas não se engane, temos algo muito mais profundo nos esperando nessa leitura.

O livro é contado todo em cartas que o Charlie escreve para um amigo, mas esse amigo não é definido, então você pode imaginar que ele as escreve para você e  isso me fez sentir parte da história, fez eu me apegar bastante ao Charlie.
Ele está no primeiro ano do equivalente ao nosso ensino médio, não é popular e pouco fala.
Um dia ele conhece o Patrick e a Sam em um jogo e daí surge a amizade deles.

Vale a pena dizer que o Charlie o tempo inteiro mal fala, ele é um menino observador e está sempre lá para escutar os amigos.
Ele não é um menino inocente, mas é um menino puro. Complicado?
Vou dar um exemplo para vocês entenderem melhor. Assim que ele conhece a Sam, ele tem um sonho erótico com ela, mas ele fica se sentindo culpado de pensar nela desse jeito. Ele sabe o que é sexo, mas se recusa a pensar com maldade nas amigas, por mais que goste delas.

O tempo inteiro a gente sabe que o Charlie tem algum tipo de trauma, mas é só no final que tudo faz sentido.

Eu estou aqui lutando comigo mesma para terminar essa resenha sem dar spoiler, então vou me abster um pouco de contar sobre a história e comentar a narrativa.

Como já disse, amei a forma como o livro foi escrito. Você não enjoa ou se cansa da leitura em nenhum momento e pode ser que, assim como eu, imagine que em Charlie ganhou um novo amigo.
De certa forma se sente especial, pois o que ele lhe escreve em cartas, ele não conta a ninguém. Então você se torna o confidente, entende?
Enfim... Esse livro está na lista dos livros que me adicionaram algo de bom e construtivo. Indico não só para o público jovem, mas para todos.


Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguir por e-mail

© Letras da Nana - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Mariana Teixeira.
Tecnologia do Blogger.